portaldeitapua.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Joomla Templates and Joomla Extensions by ZooTemplate.Com

portaldeitapua.com portaldeitapua.com

portaldeitapua.com portaldeitapua.com

portaldeitapua.com portaldeitapua.com

portaldeitapua.com portaldeitapua.com

Avenida Brasil: vaza suposto assassino de Max

E-mail Imprimir PDF

 

 

Carminha (Adriana Esteves). Simples, assim!

E é a vilã quem vai confessar o crime na delegacia. Cansada das armações de Santiago (Juca de Oliveira), a megera vai assumir a culpa pela morte do amante, no último capítulo da trama, na sexta-feira (19).

Segundo o jornal, a loira será presa depois de atirar em Nicolau (Rafael Sieg), um dos comparsas de Santiago durante o sequestro de Tufão (Murilo Benício). Em frente ao delegado e de toda a família do ex-marido, ela vai contar que matou Max.

 

 

Nina (Débora Falabella), em seu depoimento, dirá que se Carminha não tivesse matado o malandro, ele teria dado fim à vida de todos que estavam no lixão no dia do crime. O ex-jogador também confirma a versão da loira má sobre o atentado à vida de Nicolau. Todos, então, ficam surpresos ao perceber que Carminha salvou Nina da morte duas vezes, já que ela estava refém ao lado de Tufão no sequestro.

O jornal afirma ainda que antes de mostrar a vilã como a assassina de Max, a novela vai revelar o que todos os outros suspeitos faziam no lixão no momento do crime. Assim, cai por terra a teoria de que os atores gravaram cinco possível finais para o assassinato, a fim de despistar o público.

As cinco cenas gravadas, na verdade, irão mostrar os passos dos suspeitos: Ivana (Letícia Isnard), Janaína (Claudia Missura), Lúcio (Emiliano D'Ávila), Leleco (Marcos Caruso) e Carminha.

No capítulo final, os telespectadores também irão descobrir que Lucinda (Vera Holtz) viu a loira matando seu filho e, culpada por acreditar ter matado sua mãe no passado, assumiu o crime no lugar da vilã.

Fonte: iBahia